Superação na quadra e na vida

A equipe de futebol de cadeira de rodas do Clube do Rio de Janeiro jogará contra o também carioca Power Soccer, no próximo sábado (10), às 14h, no ginásio da UNISUAM, em Bonsucesso. Com entrada franca, o amistoso antecede a Copa Libertadores da América de Futebol de Cadeira de Rodas.

A Associação Brasileira de Futebol de Cadeira de Rodas (ABFC) é composta por sessenta (60) atletas tetraplégicos, ao todo são seis times de diferentes estados. A modalidade inclusiva aceita esportistas de ambos os gêneros e de todas as idades.

O presidente da ABFC, Marcos Antônio Santos, explicou que a atividade permite que pessoas acometidas de tetraplegia pratiquem o futebol e vivenciem valores esportivos. “Na quadra, eles partilham valores como determinação, autoestima e reconhecimento. Eles movimentam apenas os olhos e alguns dos dedos para guiar as cadeiras. Por isso, no jogo do dia a dia já são grandes vitoriosos, a superação é constante.”

As regras do Power Soccer são bastante simples. O jogo praticado m uma quadra com tamanho padrão de uma quadra de basquete. Cada equipe é composta por quatro jogadores, sendo três na linha e um no gol. O jogo consiste em dois tempos de 20 minutos com um intervalo de 10 minutos. Durante um jogo, a bola de futebol é conduzida com a ajuda do footguard, colocado na frente da cadeira de rodas, através de dribles e passes. Treinadores estão autorizados a jogar, mas precisam estar inscritos na lista da equipe como treinador e jogador. Assim como no futebol, o objetivo é fazer gols e vence quem mais vezes marcá-los.

Para mais informações sobre o esporte, segue o link http://www.abfc.org.br/wp-content/uploads/2014/11/Regras-oficiais-2012-ABFC-Portugu%C3%AAs.pdf

Facebook: @abfc.brasil

Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *