Saúde presta contas em Queimados

Todo cidadão tem o direito de saber sobre o funcionamento do sistema de saúde pública do seu município, como por exemplo, o número de atendimentos realizados e as estatísticas relativas a determinado período. Por isso, a Prefeitura de Queimados, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, realizou na manhã desta quarta feira (27), na Câmara Municipal de vereadores, a prestação de contas referente ao 2º Quadrimestre de 2017.

O ato contou com a presença de vereadores, servidores públicos e munícipes, e serviu para apresentar as atividades desenvolvidas pela Secretaria de Saúde, mostrando transparência e responsabilidade na aplicação do recurso público no 2º quadrimestre do ano de 2017.

A Audiência Pública atende a Lei Complementar n° 131/2009 e a Lei da Responsabilidade Fiscal nº 101/2000, Art. 9°, § 4°, as quais versam sobre os princípios da publicidade e da transparência nos atos públicos.

Para o Subsecretário Municipal de Saúde, Uilen Barbosa, o saldo do 2º quadrimestre foi bastante positivo. “Identificamos as estratégias dentro de um modelo de gestão, para aperfeiçoar o serviço de saúde da atenção básica, como consultas e encaminhamentos. O saldo está positivo em todos os aspectos. Com isso, pretendemos aumentar ainda mais o número de consultas médicas nas especialidades. Temos a informação dos dois quadrimestres e agora já podemos fazer a projeção para o próximo”, explicou.

Destacaram-se no relatório, o aumento no número das consultas médicas nas especialidades médicas. Só o Centro Médico da Pedreira registrou 26.555 procedimentos no segundo quadrimestre, um aumento de 53 % comparando aos primeiros quatro meses do ano. Já as unidades de atenção básica realizaram 146.958 atendimentos, um acréscimo de 34 % comparado com o primeiro quadrimestre. O Centro de Tratamento para a Hipertensão e Diabetes (CETHID) também se destacou com 160.027 procedimentos, 9 % a mais que no período anterior.

De acordo com a Secretária Municipal de Saúde, Drª Lívia Guedes, os números expressivos são por conta da melhor organização da agenda médica e o aumento da informação sobre as especialidades oferecidas pelo município. “Outro fator positivo foram os encaminhamentos realizados nas consultas através da regulação. Além disso, houve aproximação com a secretaria de educação, aumentando a qualidade de saúde das crianças, através do programa saúde na escola, com pesagem e alimentação. Nosso dever é governar com transparência, por isso sempre prestamos conta das nossas ações”, concluiu.

Fonte: Prefeitura de Queimados
Foto: Thiago Loureiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *