Atendimento em urologia em Mesquita

Os moradores de Mesquita que precisarem de consulta com um urologista podem procurar atendimento com este especialista na Policlínica Municipal Celestina José Ricardo Rosa, na avenida União, 676, bairro Santa Terezinha. As consultas acontecem por agendamento e encaminhamento das unidades de saúde. Os agendamentos devem ser feitos às quartas. A consulta acontece toda quinta-feira, a partir das 13h, e toda sexta-feira, a partir das 11h.

Urologia é uma especialidade cirúrgica da medicina que trata do trato urinário de homens e de mulheres, e do sistema reprodutor dos homens. Os urologistas são treinados para diagnosticar, tratar e acompanhar pacientes com distúrbios urológicos. Os órgãos estudados pelos urologistas incluem os rins, ureteres, bexiga e uretra e os órgãos do sistema reprodutor masculino (testículos, epidídimos, ducto deferente, vesículas seminais, próstata e pênis).

A próstata é uma glândula que se localiza na parte baixa do abdômen do homem, e que pode apresentar algumas patologias, como HPB (hiperplasia prostática benigna) e o Adenocarcinoma de Próstata (câncer). Segundo dados de especialistas, no Brasil o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens (atrás apenas do câncer de pele não-melanoma). Em valores absolutos e considerando ambos os sexos, é o quarto tipo mais comum e o segundo mais incidente entre os homens. A taxa de incidência é maior nos países desenvolvidos em comparação aos países em desenvolvimento.

“Os homens, por natureza, são mais resistentes à ideia de ir regularmente ao médico e, por isso, acabam descobrindo a doença em estágio já avançado. Precisamos orientar a população masculina a cuidar melhor da saúde e procurar o médico com mais frequência. Depois do aparecimento dos sintomas, mais de 95% dos casos de câncer de próstata já se encontram em fase avançada. Por isso, é importante o Preventivo regular através do exame digital da Próstata, USG e do PSA. O preventivo  está relacionado à diminuição de cerca de 21% na mortalidade pela doença”, explica o médico urologista da policlínica, Felippe Carneiro.

Ainda de acordo com Felippe Carneiro, há algumas controvérsias sobre quando se iniciar a investigação. A Sociedade Brasileira de Urologia recomenda que homens a partir de 50 anos procurem seu urologista para discutir a prática e a realização da avaliação. Aqueles com maior risco da doença (idade, histórico familiar, raça, alimentação inadequada, sedentarismo e obesidade) devem procurar o urologista a partir dos 45 anos. “E existem os que defendem que o preventivo deve se iniciar aos 45 anos, e para os pacientes com maior risco aos 40. Isso se deve ao número crescente de pessoas entre 45-50 anos que vêm à apresentar o Câncer”, completa o especialista.

O aposentado César José Barbosa, de 78 anos, faz o acompanhamento com o urologista todo ano. “Estou em dia com a minha saúde. Faço todos os exames e consultas. Não podemos descuidar”, ensina César.

 

Fonte: Ascom Prefeitura de Mesquita

Foto: Maicon Ferraz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *